Viviscal @ Mês da queda de cabelo

Sofro de queda de cabelo a alguns anos e quando fiz exames descobri através do dermatologista que a minha queda de cabelo é devido ao facto de ter quistos nos ovários. Segundo o dermatologista que contatei "30% das mulheres que têm quistos nos ovários têm queda de cabelo". O meu cabelo tornou-se mais fraco e com algumas falhas na parte de cima, que posso disfarçar consoante o penteado que faça. Ao longo destes anos, tomo suplementos e coloco ampolas para travar a queda de cabelo que se acentua mais no Outono e Primavera.
Sempre ouvi falar muito bem da Viviscal e por isso em parceria com a marca irei lançar um sorteio onde o vencedor ganhará um tratamento de 3 meses. Fiquem atentas (os).

Comercializado em cerca de 25 países, Viviscal é uma das marcas de 
suplementos líderes de mercado a nível mundial. 
A sua eficácia tem sido comprovada por diferentes estudos 
científicos publicados em jornais médicos reconhecidos na Europa e na América Latina. 
Recentemente, um novo estudo, editado no The Journal of Clinical and Aesthetic Dermatology, 
demonstra existir inclusivamente um crescimento de 125% de cabelo após seis meses de toma de Viviscal.


Sobre o mês da queda de cabelo promovido pela Viviscal:


Sabia que existem profissões que pelo seu nível de stress podem conduzir a uma queda de cabelo acentuada?
 Num contexto em que causas físicas e emocionais têm um impacto direto na saúde e bem estar dos cidadãos é fundamental conhecer as causas que podem influenciar a saúde do seu cabelo.
Criado e promovido por Viviscal, pelo sétimo ano consecutivo, o Mês da Queda de Cabelo dedica-se nesta edição a identificar as profissões que podem estar mais expostas à Queda de Cabelo. Por diferentes razões, o stress é um denominador comum em algumas atividades profissionais onde consequentemente os indivíduos apresentam algumas problemáticas relacionadas com a queda de cabelo.

Não podemos também esquecer que o stress pode ser tanto factor desencadeante da queda de cabelo como também consequência da mesma. Ou seja, quando a pessoa vivencia o sintoma de uma forma repentina e disruptiva não entende o que está acontecer. Pergunta-se a si própria: Como é que isto aconteceu? Porque surgiu? Quando vai parar? O que faço? Perante esse “susto”, a pessoa desencadeia medo, preocupação, ansiedade, tristeza, podendo até mesmo desenvolver problemas de autoestima e de relacionamento interpessoal.

É ainda de salientar que qualquer pessoa que sofra de queda de cabelo deve procurar orientação médica, psicológica e aconselhamento farmacológico, visando um correto diagnóstico do tipo de alopécia (se é de causa biológica, causa emocional ou mista) para que depois se possa fazer uma intervenção mais adequada e eficaz.

Comentários

Cátia Rodrigues disse…
Gostava de experimentar este produto, tenho imensa queda de cabelo!
THE PINK ELEPHANT SHOE | FACEBOOK | YOUTUBE CHANNEL | $30 ECHO PAUL'S GIVEAWAY
Sara Moreira disse…
Esse sorteio viria mesmo a calhar para mim que bem preciso!!! Eu já uso o produto, mas umas caixinhas grátis seriam 100% bem vindas.
Fiquei curiosa com este produto. Costumo ter queda de cabelo na Primavera/Outono. Bem que há dois anos para cá, tenho vindo a melhorar muito. Beijinhos e bom fim de semana.

Mensagens populares